terça-feira, 18 de janeiro de 2022

a casa-toda-dela

"quando menina, ela sonhava em ter uma casa silenciosa só para ela, do jeito que outras mulheres sonhavam com seus casamentos. em vez de juntar rendas e lençóis para o seu enxoval, a jovem mulher compra coisas velhas dos bazares beneficentes na encardida avenida milwaukee para sua futura casa-toda-dela: colchas desbotadas, vasos rachados, pires lascados, abajures precisando de amor." 

(a casa na rua mango, página 10)



















© Meus Cafés
template feito por Maira Gall
modificado por Manie